19 de abril de 2012

Tantas noites em que te pedi. Se soubesses o quanto já me esforcei. Se soubesses as saudades que tenho. Dias e dias dedicados a ti, a nós. Dedicados ao amor em que ambos acreditávamos. Aprendemos a percorrer os mesmos caminhos, a ter os mesmos ideais. Olhávamos ambos para os mesmo objectivos, mas tínhamos um em especial: nunca nos perdermos um do outro. Se soubesses a falta que me fazes, se soubesses o quanto te amo. Se soubesses o quanto preciso de ti, nunca terias partido.

1 comentário:

  1. MINHAS FOFINHAS... não costumo pedir para votar em nada, e não o pediria se não fosse muito importante. Participei, juntamente com o meu grupo, num concurso do jornal DN... Para ganhar preciso que acedam a este link http://www.dnescolas.dn.pt/index.php?a=reportagem1011&action=recebidos e votem no grupo RUMOS. podem votar mais que uma vez, de 10 em 10 segundos sem fecharem a janela. relembro que é muito importante para a minha escola ganhar! e estou a contar com a vossa ajuda por favor. Obrigada!

    ResponderEliminar