23 de outubro de 2013

vinteetrês

O tempo passa a correr e com ele a vida também. É uma corrida de loucos, onde não podemos perder tempo. E as memórias, será que também andam à velocidade do tempo? As memórias não acompanham o ritmo. São mais lentas, e quanto mais fortes forem, mais agarradas são. São elas que não acompanham o ritmo, ou somos nós que não as deixamos acompanhar o ritmo?
E se o coração fosse do lado direito? E se a nossa memória guardasse apenas o essencial para o momento? Será que as memórias acompanhavam o ritmo do tempo. Tudo passa, mas algumas coisas ficam.

1 comentário:

  1. passa mesmo a correr, cada vez mais depressa. Gostei muito da imagem *

    ResponderEliminar